Estes são os sinais da falta de magnésio no seu corpo!

            

Vamos apresentar três situações e você deve pensar se alguma delas costuma acontecer com certa frequência:

  • Desejo intenso por chocolate
  • Cãibras musculares durante a noite
  • Vontade constante de ir ao banheiro

Sabe o que elas têm em comum? São sintomas comuns de quem está com carência de magnésio.
Para quem não sabe, o mineral é essencial para mais de 300 processos que ajudam o nosso corpo a funcionar adequadamente.
Neste post, falaremos um poucos dos principais sinais que o corpo emite quando precisa de magnésio.

1. Compulsão por chocolate amargo

O chocolate amargo é uma grande fonte de magnésio, pois contém 24% da nossa necessidade diária.
Se o seu corpo está desejando desesperadamente um pouco de chocolate amargo, saiba que é de magnésio que você precisa.
Aconselhamos àqueles com, no mínimo, 70% de cacau.

2. Cãibra

O magnésio ajuda a relaxar os músculos.
Portanto, quando você não tem esse mineral na quantidade ideal, é muito provável que seus músculos se contraiam involuntariamente, causando espasmos dolorosos.

3. Ansiedade

Você sente ansiedade constantemente? Com certeza o magnésio vai ajudar!
Isso porque ele age no sistema nervoso central, prevenindo males emocionais.
Um bom suplemento de magnésio pode ajudar a manter os hormônios adrenais sob controle quando a ansiedade aparecer.

4. Hipertensão

Se você sofre desse mal, ainda que se exercite bem e tenha uma alimentação balanceada, talvez o problema esteja na falta de magnésio e eletrólitos.
O magnésio ajuda a dilatar e a relaxar os vasos sanguíneos.
A carência dele, por outro lado, tende a contrair os vasos, resultando em pressão arterial elevado.
O mesmo acontece com os eletrólitos.

5. Constipação

Se você sofre com prisão de ventre, saiba que também é sinal de falta de magnésio.
Isso acontece porque a falta do mineral acaba contraindo nosso intestino, o que impede a passagem das toxinas.
Consumir magnésio numa quantidade suficiente é importante para o intestino, por duas razões:

a) Ajuda a relaxar o intestino
b) Hidrata o intestino, criando um efeito osmótico que facilita a passagem do “lixo”.

6. Distúrbios do sono

Você sabia que os níveis de magnésio no nosso corpo diminuem à noite?
Isso significa que, se seu corpo já tiver baixos níveis desse mineral, você provavelmente vai sofrer com insônia.
Não é à toa que tantos de nós têm dificuldade para dormir.
A deficiência de magnésio pode ser um fator contribuinte, uma vez que desempenha um papel fundamental no funcionamento do sistema nervoso central.

7. Batimentos cardíacos irregulares:

Se você tem deficiência de magnésio, os músculos do seu corpo não podem funcionar adequadamente.
O que acontece é que o coração pode ter dificuldade em se contrair corretamente, levando a batimentos cardíacos irregulares.
Se você tiver um ou mais desses sintomas listados, tente aumentar sua ingestão de magnésio com urgência.

“O que afeta negativamente os meus níveis de magnésio?” 

Há algumas causas, como:

  • Alimentos e bebidas ricos em sal, açúcar, cafeína e álcool.
  • Excesso de estresse
  • Medicamentos para pressão alta

Para inverter a situação, invista em alimentos, como:

  • Abacate
  • Vegetais de folhas verdes
  • Feijões e lentilhas
  • Nozes e sementes
  • Quinoa e outros cereais não refinados

Uma boa alternativa é preparar uma vitamina com folhas verdes, maçã, banana e grãos germinados. Se desejar, adoce com um pouco de mel. Beba esta receita natural diariamente.

Mesmo consumindo esses alimentos, você ainda corre o risco de ter deficit de magnésio.
Isso porque a maioria dos solos são pobres nesse mineral.
Logo, os alimentos produzidos nesses solos também serão pobres em magnésio, mesmo que tal alimento seja, em tese, fonte de magnésio.

Então, como resolver a deficiência de magnésio?

Por meio de suplementação.
Os melhores suplementos de magnésio, ou seja, os de melhor absorção, são o glicinato de magnésio, o cloreto de magnésio e o citrato de magnésio.
Mas você vai precisar da ajuda de um bom médico ou nutricionista.


Equilibrar os níveis desse mineral no corpo não é fácil.
Não basta tomar um suplemento de magnésio e pronto.
Ocorre que o magnésio trabalha em conjunto com o cálcio, a vitamina D e a vitamina K2.
Se você consumir muito cálcio e pouco magnésio, pode, por exemplo, desencadear um problema cardíaco sério.

O segredo está na ingestão correta de cada substância.
E existe um apoio mútuo pelo qual elas se equilibram e funcionam corretamente.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

FONTE:

Cura pela natureza

LEIA MAIS IMPRIMIR ou SALVAR COMPARTILHAR ou SALVAR SALVAR PDF